Por gabriela.mattos

Rio - Existe saída extrajudicial, isto é, aquela que não depende da Justiça. Dá para tentar resolver um problema por mediação, conciliação ou arbitragem. Você sabe qual é a diferença entre eles? Por exemplo, na hora de passar o cartão de crédito, seu nome consta como mau pagador por causa de alguma cobrança indevida ou fraude. Boa parte destes processos pode ser resolvida extrajudicialmente. Mediação é uma forma de solução de conflitos na qual uma terceira pessoa, imparcial, facilita o diálogo entre o consumidor e a empresa. Conciliação é um método utilizado em conflitos mais simples. É um processo rápido, muito usado na Justiça do Trabalho. Já a arbitragem é definida por meio de contrato firmado pelas partes. A decisão sobre o litígio é feita por uma terceira pessoa. Costuma ser utilizada no caso de divergências por grandes corporações, bancos e estatais.

Quanto desperdicio!

Em frente ao portão 9 do Maracanã há um cano jorrando água potável. Um verdadeiro desperdício! Já cansei de entrar em contato com a Cedae, mas nenhuma equipe foi enviada ao local. Regina Goulard, Maracanã – Rio de Janeiro.

Em vistoria no local foi identificado pequeno vazamento em frente ao número 15 da Rua Isidro Figueiredo, cujo reparo foi executado. Assessoria de Imprensa da Cedae

Alex Campos%2C autor de ‘Faça as pazes com o dinheiro!’Divulgação

Cobrança indevida

Recebo todos os dias ligações e mensagens via SMS referentes a cobranças de um produto Net TV que não tenho. Estou sendo cobrada por uma dívida que não possuo e por um serviço que não contratei. Renata Granja, Ricardo de Albuquerque – Rio de Janeiro.

A Net informa que a situação foi regularizada. A operadora permanece à disposição para quaisquer esclarecimentos. Assessoria de Imprensa NET

Sem água

Moro da Estrada do Biguá e há 15 dias estamos sofrendo com a falta de água na região. Com o fornecimento irregular prestado pela concecionária Cedae, ficamos completamente dependentes da compra de carros pipa, que são muito caros! José Augusto, Alto da Boa Vista – Rio de Janeiro.

A região é abastecida por manancial. Em épocas de estiagem, o abastecimento da região se torna intermitente. Obras de melhoria estão sendo realizadas na Estrada de Furnas, com o objetivo de reforçar o abastecimento na região. Assessoria de Imprensa Cedae.

Fiscalização

Quero reclamar da Viação Rubanil - linha 377 - Pavuna x Castelo. A empresa retirou vários coletivos de circulação e nós, os passageiros, ficamos mofando no ponto! Marcos Amorim, Costa Barros, Rio de Janeiro.

A Secretaria Municipal de Transportes informa que já notificou o Consórcio Internorte, responsável pela linha 377, a regularizar a operação sob pena de multa. Assessoria de Imprensa SMTR

Alex Campos, autor de ‘Faça as pazes com o dinheiro!’: "Há coisas que o orçamento doméstico pode prever. Graças a elas, é possível se prevenir para as coisas imprevisíveis”

Com Luciana Gouvêa%2C diretora da Gouvêa Advogados Ass.Divulgação

Dúvidas Frequentes

Com Luciana Gouvêa, diretora da Gouvêa Advogados Ass.

O cidadão é obrigado a pagar seguro para o caso de perda, furto ou roubo do meu cartão de crédito? A resposta é não. Segundo a advogada Luciana Gouvêa, o seguro muitas vezes oferecido como obrigatório pelas administradoras é na verdade opcional. “Os direitos de que tem o seguro e de quem não tem são iguais. Independentemente de contratar o seguro, o cidadão tem o direito de não pagar por algo que não consumiu. Portanto, a responsabilidade no caso de furto, roubo ou perda do cartão é da administradora do cartão, que tem obrigação de investir no sistema de segurança, e também dos estabelecimentos comerciais, que devem exigir o documento de identificação do comprador para concretizar a compra”, informa a especialista.


Coluna de Átila Nunes

Você pode gostar