Padre Omar: Deus ouve a todos

Em algumas situações, quando mais precisamos, sentimos que estamos sozinhos e que não temos a quem nos dirigir para pedir apoio

Por O Dia

Rio - É comum nos queixarmos de que ninguém nos ouve nem nos dá atenção. Especialmente quando nos referimos a pessoas que ocupam cargos de autoridade sobre nós. Em algumas situações, quando mais precisamos, sentimos que estamos sozinhos e que não temos a quem nos dirigir para pedir apoio. Talvez por tantas experiências assim é que muitos de nós achem que diante de Deus acontece a mesma coisa.

Só que Deus tem tempo para nós e não faz acepção de pessoas. Trata a todos como filhos seus: nos dá atenção, ouve, cuida... se importa conosco. Não é indiferente a nada que vivemos. Ele, certamente, atendeu ao lindo pedido de Salomão ao Senhor, durante a festa da dedicação do templo, quando a Arca da Aliança — que acompanhou o povo de Israel desde a saída do Egito — foi colocada para dentro do local de orações, conforme a primeira leitura deste domingo:

“Senhor, pode acontecer que até um estrangeiro que não pertence a teu povo, Israel, escute falar de tua mão poderosa. Se, por esse motivo, ele vier de uma terra distante, para rezar neste templo, Senhor, escuta então do céu onde moras e atende a todos os pedidos desse estrangeiro, para que todos os povos da terra conheçam o teu nome e o respeitem e para que saibam que teu nome é invocado neste templo que construí”. (IRs 8,41-43)

Seja dentro de uma igreja, que é a casa de Deus e o local preferencial de encontro com Ele e com nossos irmãos em Cristo, ou em qualquer ambiente, se nosso coração se dirigir a Jesus podemos ter a confiança de que seremos escutados e de que o Senhor se colocará ao nosso lado. Tudo sempre acontecerá conforme a nossa fé em Seu amor misericordioso por nós. Porque aquele que sabe do amor de Deus por si e da Sua fidelidade vive em paz. Sabe que nunca está sozinho.

Últimas de Rio De Janeiro