Dilma participa de marcha das mulheres nesta quinta-feira no Centro

A organização do evento afirma que as manifestantes também irão às ruas para defender o mandato da petista

Por O Dia

Brasília - A presidente afastada Dilma Rousseff participará nesta quinta-feira, da "Marcha das Mulheres pela Democracia e Cultura contra o Golpe", no Largo da Carioca, Centro do Rio, às 16 horas. A organização do evento afirma que as manifestantes irão às ruas para lutar pelos direitos das mulheres e defender o mandato da petista.

"Estivemos sempre nas ruas para lutar pelos nossos direitos e não daremos um minuto de sossego ao desgoverno golpista de Michel Temer! A luta pela democracia não tem data para acabar. Seremos vitoriosas", escreveram.

Bate papo

Ao lado ex-ministra Eleonora Menicucci, Dilma escolheu nesta quarta-feira, justamente falar de políticas para mulheres, inclusive o combate à violência contra a mulher, em seu bate papo do Facebook. O tema que voltou à tona após o estupro coletivo de uma adolescente de 16 anos no Rio de Janeiro. Ontem, o presidente em exercício, Michel Temer, anunciou em reunião com secretários de Segurança dos Estados e com o ministro da Justiça e Cidadania, Alexandre de Moraes, a criação de um órgão para coordenar os trabalhos de combate à violência contra a mulher.

Em sua conversa com internautas, a presidente afastada afirmou que o programa de Temer é um retrocesso, que volta aos anos 1980 "Não se combate a violência contra a mulher apenas tratando como caso de polícia", afirmou.

Últimas de Rio De Janeiro