Suspeito de atacar prostituta é preso em Copacabana

Fabio Machado de Souza, de 37 anos, pode ter ligação com a morte de garota de programa na praia. DH foi acionada

Por O Dia

Fabio tem anotações por estupro e já foi condenado a sete anos de prisão pelo crimeWhatsApp O DIA (98762-8248)

Rio - Um homem foi preso, por volta das 2h desta segunda-feira, suspeito de roubar a bolsa de uma prostituta após ela resistir a um estupro, em Copacabana, na Zona Sul da cidade. De acordo com a Polícia Civil, Fabio Machado de Souza, 37 anos, abordou a vítima na Avenida Nossa Senhora de Copacabana, na altura da Rua Hilário de Gouveia. Policiais do 19° BPM (Copacabana) ouviram os gritos da mulher e foram ao socorro dela.

O homem foi detido quando tentava fugir do local com a bolsa da mulher. Na 12ª DP (Copacabana), onde ele foi conduzido, a garota de programa disse ter sido agredida enquanto resistia a um estupro. De acordo com a delegada Thayane Barbosa, no último dia 1º, ele havia cometido o mesmo crime.

Fabio acumula em sua ficha criminal quatro acusações de estupro, tendo sido condenado a sete anos de prisão em uma delas. A delegada acionou a Delegacia de Homicídios da Capital, pois não descarta a possibilidade de que o homem esteja ligado ao crime que vitimou uma garota de programa no bairro nos últimos dias. O bandido foi levado para a Polinter.

LEIA MAIS:

Suspeito de estuprar prostitutas é preso

Mulher é encontrada morta na praia de Copacabana

Últimas de Rio De Janeiro