Agente penitenciário é detido com dois celulares dentro da cueca

Em nota, a Seap informou que uma sindicância interna foi aberta para apurar a conduta do inspetor

Por O Dia

Rio - Um inspetor da Secretaria de Administração Penitenciária (Seap) foi detido ao chegar no plantão, na manhã de sábado, na Cadeia Pública Milton Dias Moreira, em Japeri, na Baixada Fluminense. O agente Arlindo Ribeiro Sampaio estava com dois celulares dentro da cueca. Além dos eletrônicos, ainda tinham carregadores e fones de ouvido. Os equipamentos seriam levados para detentos da unidade.

Agente penitenciário é detido com dois celularesDivulgação


De acordo com informações de outros inspetores, o acusado ao chegar para assumir o serviço, às 6h da manhã, deixou o telefone particular na portaria e ao entrar na unidade prisional foi abordado pelo diretor e coordenador da cadeia. Os celulares foram encontrados durante revista no scanner corporal do agente. Cada eletrônico entregue, custaria aos detentos aproximadamente R$ 4 mil.

Em nota, a Seap informou que uma sindicância interna foi aberta para apurar a conduta do inspetor. O caso foi encaminhado para a 48ª DP (Seropédica), onde Arlindo foi autuado no artigo 349A do Código Penal (ingressar, promover, intermediar, auxiliar ou facilitar a entrada de aparelho telefônico de comunicação móvel, de rádio ou similar, sem autorização legal, em estabelecimento prisional). Ele foi liberado após prestar depoimento.

Últimas de Rio De Janeiro