Polícia prende traficantes que ocupavam condomínio do Minha Casa Minha Vida

Foram cumpridos 10 mandados de prisão em conjunto de São Gonçalo. PM que morava no local foi assassinado pelo tráfico

Por O Dia

O subtenente Cláudio Souza dos Santos%2C de 53 anos%2C foi assassinado na noite desta terça-feiraWhatsApp O DIA (98762-8248)

Rio - Policiais da 74ª (Alcântara) cumpriram, na manhã desta sexta-feira, 10 mandados de prisão contra traficantes que ocuparam um condomínio do Minha Casa Minha Vida em São Gonçalo, na Região Metropolitana do Rio. Em maio, um policial foi assassinado pelos bandidos no conjunto. 

Foram presos nove pessoas e o décimo já estava preso. Esta é a primeira etapa da operação para desmantelar o tráfico no local.

A delegacia investigava há mais de um ano o tráfico de drogas dentro do condomínio Vista Alegre 1, no bairro Mundel, após uma moradora do local ser expulsa. Segundo as investigações, os traficantes dominaram o conjunto e exigiam taxa dos moradores.

Em maio, o subtenente da Polícia Militar foi assassinado quando chegava em casa. Adido na Operação Lei Seca, vinculada à Secretaria de Estado de Governo, Cláudio Souza dos Santos, de 53 anos, foi baleado nas costas e encontrado na escada dentro do condomínio. O criminoso foi preso horas depois do crime. 

Casado, o policial estava na Polícia Militar há 30 anos. Neste período, ele já passou pelo 12º BPM (Niterói) e pelo Hospital da Polícia Militar de Niterói. Ele deixou três filhos.

LEIA MAIS

Policial é assassinado em São Gonçalo

Polícia prende suspeito de envolvimento em morte de PM em São Gonçalo

Últimas de Rio De Janeiro