Polícia investiga estupro de jovem de 13 anos no Recreio dos Bandeirantes

Crime teria sido cometido por um homem, na noite da última quarta-feira, em um terreno baldio do bairro da Zona Oeste

Por O Dia

Rio - Uma adolescente de 13 anos disse ter sido estuprada em um terreno baldio por um homem após sair de uma escola de dança no Recreio, Zona Oeste da cidade, na noite da última quarta-feira. Delegada da 42ª DP (Recreio dos Bandeirantes), Carolina Salomão instaurou um inquérito naquela unidade para investigar o caso.

LEIA MAIS:

Vídeo mostra momento em que Jobson é preso no Pará

Promotor causa revolta em frase sobre estupro: 'Ficou com a melhor parte'

Justiça decreta prisão preventiva de três suspeitos de estupro coletivo no Rio

A delegada quer saber as circunstâncias em que o crime foi cometido e descobrir o seu autor. Imagens de câmeras de segurança da região foram solicitadas. A vítima foi encaminhada ao Instituto Médico Legal (IML) para a realização de exame de corpo de delito.

No fim do mês passado, ganhou repercussão o caso do estupro coletivo de uma adolescente de 16 anos no Morro da Barão, na Praça Seca - também na Zona Oeste do Rio, mas a cerca de 25 quilômetros do Recreio dos Bandeirantes. O crime começou a ser investigado após vídeos da vítima desacordada terem caído na internet. A vítima e sua família foram incluídas num programa de proteção. Três acusados pelo crime estão presos preventivamente e são réus na Justiça.

Com Estadão Conteúdo

Últimas de Rio De Janeiro