Informe do DIA: Bilhete unitário do metrô não terá prazo de validade para uso

A concessionária Metrô Rio terá até 30 dias para se adequar à mudança após a resolução ser publicada no Diário Oficial

Por O Dia

Rio - Uma boa notícia para quem usa o metrô. O bilhete unitário, aquele comprado a R$ 4,50 e que corresponde a uma única viagem, não terá mais prazo de validade para ser usado. Hoje, o cartão expira três dias após a compra, e o máximo que o passageiro consegue é o reembolso de R$ 1 pela devolução do bilhete.A concessionária Metrô Rio terá até 30 dias para se adequar à mudança após a resolução ser publicada no Diário Oficial do Estado, o que deve ocorrer amanhã. A medida foi estabelecida pela Agência Reguladora dos Transportes Públicos (Agetransp).

Reembolso integral 

Pela nova regra, o passageiro poderá a qualquer momento solicitar o reembolso integral pela devolução do bilhete. Em caso de reajuste da tarifa, o cliente optará por receber o valor do cartão ou pagar a diferença correspondente ao reajuste.

Dificuldade

Pré-candidato de Eduardo Paes à prefeitura, Pedro Paulo Carvalho (PMDB) pode desistir de escolher uma mulher para compor sua chapa — o cargo de vice está prometido ao PDT. Ocorre que Martha Rocha e Cidinha Campos, principais nomes do partido, resistem a aceitar o convite.

Bendito é o fruto

Única mulher pré-candidata à prefeitura, Jandira Feghali (PCdoB) diz que não vai explorar na campanha a denúncia de agressão feita pela ex-mulher de Pedro Paulo. “Sou relatora da Lei Maria da Penha, e isso já vai incomodá-lo. Mas vou abordar, sim, a questão da violência contra a mulher.”

Sem luz, sem segurança

Quinta-feira, por volta de 19h, seis postes de luz próximos à estação de metrô da Central do Brasil estavam apagados. Um perigo.

Últimas de Rio De Janeiro