Produtos falsificados com imagens de símbolo olímpico são apreendidos

Agentes fizeram ação em Copacabana. No fim de semana, eles já tinham encontraram artigos piratas em feira no bairro

Por O Dia

Rio - Agentes da Delegacia de Repressão aos Crimes contra a Propriedade Imaterial(DRCPIM) apreenderam nesta terça-feira em Copacabana, na Zona Sul do Rio, artigos falsificados com imagens dos símbolos olímpicos. Seis ambulantes foram autuados em flagrante por violação de direito autoral. Foram apreendidos chaveiros, cangas, capas para celulares, artigos do vestuário com marcas de times, brinquedos e relógios.

As apreensões se tornaram rotina para policiais da DRCPIM. Há quatro dias, na tradicional Feirinha Turística Noturna, na Avenida Atlântica, foram também encontraram artigos falsificados com imagens da Olimpíada. Na ocasião, 23 comerciantes autorizados pela prefeitura estavam com camisas, chaveiros, canetas, blocos e placas comemorativas.

Outro ponto conhecido como ‘bunker’ de venda de produtos falsificados é o Camelódromo da Uruguaiana. Após um ano, a Operação Jericó feita por agentes da DRCPIM registrou 1.052 pessoas indiciadas e cerca de 170 mil produtos apreendidos. Segundo a delegada Valéria Aragão, crimes como extorsão, agiotagem e venda de produtos roubados foram identificados, como noticiou ontem a ‘Globo News’. “Estamos identificando quadrilhas que emprestavam com juros. Queremos tirar pessoas que trabalham de forma errada ali”, disse.

Últimas de Rio De Janeiro