Polícia desmantela quadrilha de prostituição no Parque Olímpico

Criminosos atuavam no condomínio Villas da Barra; anúncios no Facebook exigiam idade entre 14 e 21 e que garotas estivessem 'dispostas a aderir um plano rígido de treinamento'

Por O Dia

Rio - A Polícia Civil, por meio da Delegacia da Criança e do Adolescente Vítima (DCAV), com o apoio do Departamento Geral de Polícia Especializada (DGPE), realiza, nesta quinta-feira, operação policial para desarticular uma quadrilha especializada em aliciar adolescentes carentes para a prostituição, em um condomínio que compõe o Parque Olímpico Rio 2016, na Zona Oeste. 

Homens aliciavam jovens para se prostituir no Parque OlímpicoReprodução Internet

A operação, coordenada pela Delegada de Polícia Cristiana Bento, tem como objetivo cumprir mandados de prisão temporária pelos crimes de associação criminosa e exploração à prostituição e mandados de busca e apreensão.

De acordo com a investigação, a quadrilha colocou anúncios em redes sociais para atrair meninas que almejassem seguir a carreira de modelo. Os perfis criados no Facebook, no Instagram e no YouTube estão em nome de "Sonhos de modelo" e trazem os requisitos necessários para a profissão: que a idade seja entre 14 e 21 anos; que as meninas tenham um "desejo ardente de ser modelo, atriz ou cantora"; que elas estejam "disposta a aderir a um plano rígido de treinamento profissional e crescimento pessoal", que estejam "disposta a morar na Barra da Tijuca", além de exigirem "beleza, delicadeza, classe e talento". 

Anúncio pedia que jovens se mudassem para apartamento na Barra da TijucaReprodução Internet

No condomínio Villas da Barra, os criminosos identificados como sendo Jonathan Alves Mendes, 24 anos e Márcio Garcia de Andrade, de 33 anos, se dividiam em três apartamentos. Enquanto Jonathan fica em um imóvel no sétimo andar e Márcio Garcia numa cobertura de luxo, as meninas eram colocadas em outro endereço. Os dois autores negociam os programas e os clientes são atendidos pelas vítimas, monitoradas 24 horas por câmeras instaladas nos quartos.

Jonathan Alves Mendes%2C 24 anos Reprodução/Instagram

 

Márcio Garcia de Andrade%2C de 33 anosReprodução/Instagram



 

Últimas de Rio De Janeiro