Universitário é agredido após festa na Zona Oeste

Na ocasião, a mandíbula e o maxilar do jovem foram quebrados. Ele foi encaminhado ao Hospital Vitória, na Barra da Tijuca

Por O Dia

Rio - Um estudante de Engenharia da Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC-Rio), de 22 anos, foi agredido após uma festa universitária, em Vargem Grande, Zona Oeste do Rio. Uhane Barthel teria se envolvido em uma discussão no estacionamento do local onde ocorria o evento, no último sábado. Na ocasião, ele teve a mandíbula e o maxilar quebrados, e foi encaminhado ao Hospital Vitória, na Barra da Tijuca.

De acordo com o advogado do jovem, Felipe Caldeira, o jovem estava no carro com um amigo tentando ir embora da festa, mas um outro veículo estava obstruindo a saída do estacionamento. Felipe contou ainda que, ao pedir para o grupo sair da frente, Uhane foi agredido com socos e pontapés. "Mesmo desacordado no chão, as pessoas continuaram batendo nele", acrescentou.

Estudante de Engenharia%2C Uhane Barthel foi agredido%2C no último sábado%2C na saída de uma festa%2C no RecreioReprodução Facebook

Apesar de a agressão ter ocorrido no último sábado, o advogado contou que só registrará a ocorrência em uma delegacia na próxima terça-feira, por "questões estratégicas". Felipe ressaltou que já há indícios de quem espancou a vítima, mas esse detalhe ainda não pode ser revelado. "Parece que eles queriam criar confusão dentro da festa. São conhecidos na região, já criaram confusão em outros lugares. É um grupo que treina em academia de lutas", disse.

Uhane deve ser operado nesta sexta-feira. Em nota, a assessoria de imprensa do Hospital Vitória informou que o estado de saúde do universitário é estável e que ainda não há previsão de alta.


Últimas de Rio De Janeiro