Estado analisa cortar as vice-presidências de empresas, autarquias e órgãos

Eliminação da linha hierárquica iria fazer com que diretores subordinados passassem a responder diretamente às respectivas presidências

Por O Dia

Rio - Para reduzir gastos, o governo estadual estuda cortar todas as vice-presidências de empresas, autarquias e órgãos a ele vinculados. A eliminação da linha hierárquica iria fazer com que diretores subordinados passassem a responder diretamente às respectivas presidências. A medida é avaliada por técnicos das secretarias de Fazenda, Planejamento e Casa Civil.

Coração

A quimioterapia para o combate a um linfoma afetou o coração de Pezão. Com isso, aliados chegaram a cogitar, ontem, que o governador licenciado não voltaria mais ao cargo. Um amigo de Pezão, porém, garantiu à coluna que ele tem se dedicado à recuperação e que retornará ao batente. Contudo, isso pode ficar apenas para o ano que vem: janeiro.

Oração

Candidatos à prefeitura estão de olho no eleitorado de Marcelo Crivella (PRB), em primeiro nas pesquisas. Em segundo, Pedro Paulo Carvalho (PMDB) preparou panfletos para serem distribuídos perto de igrejas evangélicas, nos horários dos cultos. “Evangélicos com Pedro Paulo”, diz um folder que traz também a imagem de um cantor gospel. Jandira Feghali (PCdoB), por sua vez, mira eleitores de Crivella que simpatizam com Lula.

Isenção

O DEM está na coligação de Pedro Paulo, mas os Maia se dividem no empenho à campanha do candidato. Enquanto Rodrigo, presidente da Câmara, é visto com frequência ao lado do peemedebista; o pai e ex-prefeito, César, despistou quando um eleitor lhe perguntou esta semana sobre sua preferência para a prefeitura: “Eu sou candidato é a vereador”, disse.

Inspeção

A Justiça deu prazo de 30 dias para que a Prefeitura de Itaguaí arrume um espaço adequado para o funcionamento do Conselho Municipal dos Direitos da Infância e do Adolescente. Inspeção do Ministério Público constatara falta de equipamentos e de mão de obra no local. Caso descumpra a determinação, a prefeitura será multada em R$ 50 mil.

Últimas de Rio De Janeiro