Bala de borracha fica alojada em perna de militante do MTST

Ele foi atingido durante operação policial que desocupou a localidade conhecida como Favela da Skol, no Complexo do Alemão

Por O Dia

Rio - Vitor Guimarães, coordenador nacional do Movimento dos Trabalhadores Sem Teto (MTST), foi atingido por uma bala de borracha durante a operação policial que desocupou a localidade conhecida como Favela da Skol, no Complexo do Alemão, no último sábado.

Guimarães ficou com um dos projéteis alojados em sua perna e apresentou quadro de infecção no ferimento. Após realização de tomografia, os médicos constataram que a bala ainda estava alojada na perna esquerda e submetaram o jovem a uma cirurgia na manhã desta quarta-feira no Hospital Municipal Miguel Couto. O estado de saúde dele é bom.

Bala alojada da perna do militanteReprodução Internet

A operação foi promovida pela Polícia Militar na localidade que fica na Avenida Itaoca, que dá acesso à comunidade Nova Brasília, no Alemão. Na mesma ação, policiais prenderam uma equipe do jornal comunitário 'Voz da Comunidade', que reportava o trabalho. Rene Silva e Renato Moura, fundador e fotógrafo do jornal respectivamente, foram detidos acusados de desacato e desobediência.

Últimas de Rio De Janeiro