Polícia faz operação para prender milicianos na Zona Oeste

Duas pessoas já foram presas e três armas foram apreendidas

Por O Dia

Rio - Duas pessoas foram presas na manhã desta quinta-feira por policias da Delegacia de Repressão às Ações Criminosas Organizadas (Draco) em comunidades de Santa Cruz e Paciência, na Zona Oeste do Rio, onde os agentes estão em operação de combate à milícia Liga da Justiça, liderada por Carlos Alexandre Braga, de 31 anos, o Carlinhos Três Pontes.

Carlinhos Três Pontes seria responsável por três mortes na Baixada FluminenseAgência O DIA

Os agentes estão cumprindo dez mandados de busca e apreensão e duas pessoas já foram presas em flagrante com armas. Uma fábrica de balões também foi encontrada e material para confecção de balões, apreendido. Três armas foram apreendidas. 

Como O DIA noticiou mês passado, Carlinhos Três Pontes é chefe do grupo paramilitar da região e seria responsável por três mortes na Baixada Fluminense: a do vereador Luciano DJ (PCdoB), em 2015, e dos candidatos ao cargo de vereador Júlio Reis e Primo. Segundo a polícia, o miliciano estaria expandindo seus negócios na Baixada, explorando desde a venda de gás até a extração ilegal de areia.  


Últimas de Rio De Janeiro