MP obtém prisão temporária de dois suspeitos de pedofilia em Guaratiba

Dois meninos, de 12 e 13 anos, prestaram depoimento na delegacia e contaram que foram violentados. Um dos homens continua foragido

Por O Dia

Rio - Dois suspeitos de pedofilia em Guaratiba, na Zona Oeste, tiveram a prisão temporária decretada neste domingo. Segundo informações do Ministério Público (MP), eles teriam estuprado dois meninos, de 12 e 13 anos. Os menores prestaram depoimento na 35ª DP (Campo Grande), que conduziu as investigações, e contaram que foram violentados.

Um dos suspeitos já estava preso, de acordo com o promotor de Justiça Bruno Lavorato Moreira Lopes. No entanto, o outro continua foragido. O MP destacou que os depoimentos das vítimas apontaram que a pedofilia seria uma atividade recorrente dos suspeitos. O estupro de vulnerável é crime hediondo.

Além disso, o órgão também obteve um mandado de busca e apreensão nos endereços da dupla, para apreender computadores, celulares e laptops que sirvam de prova. O MP conseguiu ainda a quebra de sigilo de dados de celular e computadores.

Últimas de Rio De Janeiro