Por gabriela.mattos

Rio - Pelo menos três bandidos armados invadiram nesta sexta-feira o reservatório da Cedae Victor Konder, em Campo Grande, um dos maiores do município. Eles renderam um funcionário e levaram a caminhonete Ranger preta LUW 6532. De acordo com denúncias, o servidor só não morreu porque a arma de um dos criminosos falhou duas vezes, ao tentar atirar contra a vítima, mesmo ela não tendo reagido.

Em nota, a Cedae informou que apenas dois funcionários trabalham no local. “A Cedae realiza todas as ações para preservar os funcionários e as unidades”, garantiu, ressaltando que a Polícia Civil já está investigando o caso.

Em outubro do ano passado, O DIA já havia alertado sobre a falta de segurança no reservatório, que, apesar de ficar nas imediações do Regimento de Polícia Montada (RPMont) da PM, é alvo constante de ladrões de cabos de energia. A região também é ponto de encontro de usuários de crack. O reservatório que abastece Campo Grande tem capacidade de 16 milhões de litros de água potável e foi construído em 1928.

Você pode gostar