Por gabriela.mattos

Rio - A Delegacia de Homicídios da Capital (DH) identificou e decretou, neste domingo, a prisão de dois suspeitos de assaltar e matar o policial federal Jorge Henrique Santos de Oliveira, em Tomás Coelho, na Zona Norte. De acordo com as primeiras informações, Diogo Costa das Neves, de 20 anos, e Gérson Pereira da Silva, de 25 anos, teriam tentado roubar a vítima, na última segunda-feira. No entanto, a Polícia Civil afirmou que eles responderão por latrocínio (roubo seguido de morte). A dupla continua foragida.

Jorge era lotado em Nova Iguaçu, na Baixada Fluminense, e estava na corporação havia 17 anos. Na ocasião do crime, ele estava acompanhado de sua mulher no carro, na Avenida Automóvel Clube. O policial chegou a ser socorrido e encaminhado ao Hospital Estadual Getúlio Vargas, na Penha, mas não resistiu. Ele tinha ainda uma filha de 22 anos.

Na última quinta-feira, policiais da 44ª DP (Inhaúma) e da Coordenadoria de Recursos Especiais (Core) fizeram uma operação, na comunidade da Galinha, em Inhaúma, e encontraram a moto utilizada pelos suspeitos no momento do crime. Além disso, duas pessoas foram encaminhadas à delegacia. Segundo a polícia, Leandro Vinícius Teixeira de Araújo, conhecido como Pernoca, tinha um mandado de prisão que já foi cumprido. 

Quem tiver qualquer informação sobre a localização dos dois suspeitos de latrocínio pode entrar em contato com a Central de Atendimento ao Cidadão (CAC) pelos telefones (21) 2334-8823 e 2334-8835 ou pelo chat no site cacpcerj.pcivil.rj.gov.br. A denúncia também pode ser feita ao Disque-Denúncia pelo telefone 2253-1177.

Você pode gostar