Cabeça raspada de Cabral virou bolão entre inspetores penitenciários

Em julho, foi o empreiteiro Fernando Cavendish, ex-aliado de Cabral, que teve fotos vazadas na internet com a cabeça raspada e o traje verde do sistema prisional

Por O Dia

Rio - Inspetores e agentes penitenciários que atuam em Bangu fizeram um bolão, ontem, no grupo do WhatsApp, para ver quem rasparia a cabeça do ex-governador Sérgio Cabral (PMDB). Em julho, foi o empreiteiro Fernando Cavendish, ex-aliado de Cabral, que teve fotos vazadas na internet com a cabeça raspada e o traje verde do sistema prisional.

Alívio
Ex-secretário de Obras de Cabral preso ontem, Hudson Braga chegou a integrar o governo Pezão. Coordenador de Infraestrutura e Integração Governamental, que absorvera Obras, Braga ficou três semanas na pasta em 2015. Decepcionado por não comandar também o Detran e as verbas de publicidade, lançou mão de um blefe: pediu que fosse exonerado. Pezão concordou.

‘Ão’ e ‘Inho’
O que se diz nos bastidores é que, se dois ex-assessores de Cabral abrirem o bico, podem comprometer gente graúda que integrou o secretariado do ex-governador. Um ex-assessor é conhecido por um aumentativo; o outro, por um diminutivo.

Trabalho
Presos ontem na Operação Calicute, José Orlando Rabelo e David Augusto Sampaio já atuaram na Assembleia Legislativa. O primeiro no gabinete de Jorge Picciani (PMDB); o segundo no de Zaqueu Teixeira (PDT). Ambos entre 2015 e 2016, período em que Cabral já não estava mais no governo.

Vácuo de poder
De um experiente político: “As prisões de Garotinho e Cabral dão margem para o surgimento de novas lideranças no estado. Ainda não sabemos quem.”

Vai dar namoro?
A prisão de Cabral ontem não esfriou a possibilidade de vereadores do PMDB assumirem secretarias no governo de Marcelo Crivella (PRB). Dos dez peemedebistas eleitos, o futuro prefeito já conversou com nove — pessoalmente ou por meio de interlocutores.

Não agradou
Aliado de Crivella encarregado de fazer o elo com a Câmara Municipal, o vereador Jorge Braz (PSB), que não se reelegeu, tem desagradado à bancada do PMDB. “Ele não tem experiência e não sabe dialogar. É muito fraco”, dizem peemedebistas.

Extintas
Mas as duas secretarias em que o PMDB está de olho (Conservação e Envelhecimento Ativo)devem ser extintas por Crivella. A primeira será incorporada à de Obras; a segunda, à de Desenvolvimento Social ou de Saúde.

Últimas de Rio De Janeiro