Por rafael.nascimento
Rio - Um grupo de manifestantes — contrários ao aumento da tarifa dos pedágios da BR-116 (Rio-Teresópolis) — fizeram um protesto na noite desta terça-feira no km 135, em Magé, na Baixada Fluminense e atearam fogo em um ônibus. O crime aconteceu na altura do bairro Parque Estrela. De acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF), cerca de 50 pessoas participaram da ação criminosa. Uma equipe do Corpo de Bombeiros do quartel de Campos Elíseos foi acionada para conter as chamas e segundo a corporação, ninguém se feriu.
Ônibus em chamas Reprodução Twitter

Segundo a PRF, a manifestação aconteceu por volta das 20h30 após a Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) aprovar o reajuste da tarifa básica de pedágio do contrato de concessão da BR 116. Os preços, que eram de R$ 12,00 na praça de pedágio principal — passaram para R$ 17,10. Já as das praças auxiliares que eram de R$ 8,50 — subiram para R$ 12,00. 

Além de queimar o ônibus, os manifestantes atearam fogo em pneus e lixos pela via. Ninguém foi preso na ação. 

Procurada para comentar o caso, a Concessionária Rio-Teresópolis que administra a via, ainda, não se manifestou. 

Coletivo ficou totalmente destruído Divulgação / PRF