Por gabriela.mattos
Rio - Um homem foi preso suspeito de jogar o próprio filho de três meses na parede após se irritar com o choro do bebê, em Magé, na Baixada Fluminense. A mãe da criança, que é menor de idade, também foi detida. De acordo com informações da Delegacia de Homicídios da Baixada Fluminense (DHBF), o casal acionou a polícia, nesta quarta-feira, dizendo que o filho estava morto em casa, na Rua Meneghel. 
Inicialmente, o caso havia sido encaminhado para a 61ª DP (Xerém). No entanto, ao chegarem no local, os policiais constataram que o bebê estava com lesões no corpo e na cabeça. Com isso, a ocorrência foi transferida para a DHBF.
Publicidade
Segundo a polícia, a dupla confessou o crime durante o depoimento, quando foi confrontada com peças técnicas da perícia feita no local. Leandro Junior da Trindade Marques contou que jogou o filho na parede após se irritar com o choro dele. 
O suspeito disse ainda que, após o crime, ele disse para a mulher não levar o bebê no hospital. A criança morreu horas depois. Leandro foi indiciado pelo crime de homicídio triplamente qualificado e a adolescente, por ter se omitido no socorro do filho, foi autuada por fato análogo ao crime de homicídio.