Portal dos Procurados oferece recompensa por suspeitos de feminicídio

Vítimas foram assassinadas em frente aos filhos. Valor da recompensa é de R$ 1 mil e o anonimato é garantido

Por O Dia

Rio - O Portal dos Procurados divulgou nesta quinta-feira um cartaz oferecendo a recompensa de R$ 1 mil por informações que levem a prisão dos suspeitos Roberto Carlos Alves de Souza, de 47 anos, e David Gomes Rodrigues, de 31 anos. Eles são acusados de terem assassinado suas ex-companheiras, sendo uma delas morta a facada e a outra por socos, pontapés e afogamento.

No primeiro caso, Roberto Carlos, chegou a namorar com a vítima durante sete meses, e já estava separado há cinco meses, mas não aceitava o fim do relacionamento e sempre a perseguia. No dia 7 de outubro, ele foi até a casa de sua ex-companheira, em Paciência, na Zona Oeste do Rio, e a esfaqueou no pescoço. A mulher não resistiu e morreu no local. O crime aconteceu na frente da filha da vítima, de apenas 4 anos. A criança reconheceu Roberto Carlos como sendo o autor do crime. Depois assassinar a companheira, ele fugiu e permanece foragido.

Você conhece o paradeiro de Roberto Carlos e David Gomes%3F Então%2C ligue para o Disque-Denúncia (21) 2253-1177 e denuncie. O anonimato é garantido Divulgação

No outro caso, David Gomes é o principal suspeito de matar a mulher Adriana Mascarenhas de Oliveira, de 28 anos, com quem vivia há dez anos. Segundo as investigações, o pedido de separação de Adriana teria sido o estopim para o crime. Ela suspeitava que David abusava da filha mais velha do casal. O crime aconteceu na noite do dia 7 de outubro, no município de Duque de Caxias, na Baixada Fluminense, e foi presenciado pelos sete filhos.

Após uma série de brigas, David entrou em casa no meio da noite e a atacou com socos e pontapés. Um dos filhos falou que viu David arrastando a mãe pelos cabelos para a sala da casa, onde ela continuou apanhando até um momento em que a criança contou que ela "parecia estar morta". Ainda de acordo com a criança, ele percebeu quando a mãe desfaleceu e deixou de executar qualquer movimento. O filho também relatou ter escutado o que chamou de “barulho de afogado”. David teria usado um galão de água para afogá-la. Ele teria levado o corpo para debaixo da pia, para esconder a vítima já morta. Dias depois, David teria retirado o corpo debaixo da pia e sumido com o cadáver. A Polícia realiza buscas para localizar David, que está foragido, e o corpo da vítima.

Se você tiver qualquer informação a respeito da localização de Roberto Carlos e David Gomes, pode denunciar pelo Whatsapp ou Telegram dos Procurados (21) 96802-1650; ou pelo telefone do Disque-Denúncia (21) 2253-1177. O Anonimato é garantido.


Últimas de Rio De Janeiro