Operações na Vila Kennedy após vídeo de traficantes

PM atua na região após gravação de 40 homens armados andando na comunidade cair na rede. Moradores dizem que cena é constante

Por O Dia

Rio - Desde que as imagens de cerca de 40 traficantes, andando com fuzis e pistolas na Vila Kennedy, circulam na internet, a polícia faz operações na região. O vídeo foi supostamente gravado na noite de sábado na comunidade da Zona Oeste, onde há uma UPP.

Ainda na segunda, policiais do batalhão de Bangu realizaram uma incursão na região. Os policiais militares foram recebidos a tiros por marginais que estavam em um carro, modelo Siena preto. Houve revide e três suspeitos foram baleados. Com eles foram apreendidos: uma pistola calibre 45, uma pistola calibre 40 e duas granadas. Os criminosos foram socorridos e levados para o Hospital Albert Schweitzer.

Já ontem, policiais da própria UPP prenderam um homem na localidade conhecida como Progresso, próximo à Avenida Brasil. Contra ele havia um mandado de prisão por roubo. O suspeito estava em uma casa e era monitorado por policiais da unidade após denúncias de roubos na região.

O vídeo mostra um verdadeiro desfile de homens armados no localReprodução Vídeo

Outra equipe da UPP que patrulhava a Avenida Brasil prendeu um homem após abordagem a um carro na altura da Praça Miami. O veículo, que segundo o comando da Unidade vinha sendo procurado pela polícia, foi usado por bandidos em roubos nos últimos dias. Todas as ocorrências foram registradas na 34ª DP (Bangu).

Na ocasião em que foi inaugurada, em março de 2014, o então secretário de Segurança do Rio, José Mariano Beltrame, exaltou o fato de sete comunidades da região terem sido ocupadas pelas forças policiais “sem um único disparo ter sido feito”.

Em quase três anos de ocupação, moradores denunciam que tiros realmente quase não são ouvidos, mas por conta da livre circulação de traficantes. “É assim todo o dia. Nas madrugadas têm bailes e eles chegam a fechar ruas, sem que policiais façam nada”, disse uma internauta no Facebook.

Localizada às margens da Avenida Brasil, a UPP é responsável pelo policiamento da Vila Kennedy que envolve as localidades Alto Congo, Vila Progresso, Sapo, Metral, Pica Pau, Light e Alto Kennedy, com uma população estimada em 42 mil pessoas.

O serviço de inteligência da PM disse que analisa as imagens dos traficantes.

Últimas de Rio De Janeiro