Briga termina com quatro mortos no Recreio

Entre as vítimas está uma grávida. Confusão foi provocada por sargento reformado da PM

Por O Dia

Rio - Quatro pessoas foram mortas, na noite desta sexta-feira, na comunidade do Terreirão, no Recreio dos Bandeirantes. De acordo com testemunhas, um subtenente reformado da Polícia Militar, identificado como Luiz Cláudio Machado Paixão, se envolveu em uma briga e matou Patrícia Aparecida Pimenta Rosa, 31 anos; Markeli Maria Leite Matheus, 39 ; Francisco Pimenta Rosa, 25 anos, irmão da Patrícia; e Lutero Barbosa da Silva. Patrícia estava grávida de nove meses de uma menina. Os baleados morreram no local.

De acordo com os bombeiros, o corpo da mulher que esperava a criança foi levado para a maternidade Leila Diniz. Os médicos conseguiram salvar o bebê, mas ele está em estado grave. O atirador fugiu do local. A investigação do caso está sendo feita pela Delegacia de Homicídios (DH).

Segundo o delegado André Leiras, adjunto da DH, o homem será indiciado por homicídio e aborto tentado, sem consentimento da vítima. "Se as buscas derem certo, vou pedir a prisão dele no Plantão Judiciário", disse Leiras.

Últimas de Rio De Janeiro