Aposentados e pensionistas fazem ato em frente ao Copacabana Palace

Eles criticam governo e cobram pagamento de salários em dia

Por O Dia

Rio - Em meio à grave crise econômica que assola o Rio de Janeiro, aposentados e pensionistas do estado protestaram na manhã desta terça-feira na Praia de Copacabana. Utilizando faixas, carro de som e um caixão, membros do grupo S.O.S Polícia criticaram a gestão do governador Luiz Fernando Pezão.

Caixão%2C que simboliza o enterro do servidor%2C foi levado ao protestoErnesto Carriço / Agência O Dia

Os manifestantes montaram uma tenda em frente ao Hotel Copacabana Palace para reunir os mantimentos doados pela população. Os produtos serão entregues às famílias dos servidores que estão passando por dificuldades financeiras. Os salários dos profissionais que atuam na Segurança Pública estão em dia, de acordo com o calendário divulgado pelo Executivo fluminense na última quinta-feira. As pensionistas, no entanto, só receberam os vencimentos referentes ao mês de outubro.

Um dos organizadores do ato, o tenente reformado da Polícia Militar, Nilton da Silva Pereira explicou que o caixão simbolizava o que chamou de enterro do servidor público. “Não tive ânimo para realizar ceia de natal e não terei para festa de Réveillon com a família porque faltam itens básicos. Sou servidor estadual há 32 anos e nunca vi uma crise como essa”, disse.

Reportagem de Jonathan Ferreira

Últimas de Rio De Janeiro