Polícia prende suspeito de integrar milícia de Santa Cruz

Homem era síndico de conjunto do 'Minha Casa Minha Vida' e obrigava moradores pagar taxas definidas pelos milicianos que atuam na região

Por O Dia

Rio - Apontado como integrante da milícia que atua em Santa Cruz, na Zona Oeste do Rio, Alexsandro Morais da Silva, conhecido como Cabeludo, foi preso nesta quinta-feira por policiais civis Delegacia de Repressão às Ações Criminosas Organizadas e Inquéritos Especiais (DRACO-IE). Ele era síndico de um dos conjuntos habitacionais do programa 'Minha Casa Minha Vida', o condomínio Aterrado do Leme II, naquele bairro.

Contra o acusado foi cumprido um mandado de prisão preventiva pelo crime de organização criminosa. No mesmo processo criminal outras 24 pessoas foram acusadas do mesmo crime. Quinze já foram capturadas pela especializada.

Segundo o delegado Alexandre Herdy, titular da DRACO-IE, Alexsandro foi eleito síndico no ano passado e impôs aos moradores o pagamento de taxas estabelecidas pelo grupo paramilitar que atua especificamente na região do Jesuítas, em Santa Cruz.

Ainda de acordo com Herdy, as ações de inteligência da unidade possibilitam a identificação e prisão de importantes integrantes de milícias que atuam no estado.

Últimas de Rio De Janeiro