Por gabriela.mattos

Rio - Policiais da 66ª DP (Piabetá) prenderam nesta segunda-feira um acusado de estuprar a própria filha, de 15 anos, em Piabetá, Magé, Região Metropolitana. Ele foi condenado a 40 anos de prisão, mas havia sido solto em dezembro. O homem contaminou a adolescente com o vírus HIV, causador da Aids, de acordo com a polícia. A mulher dele, que já morreu, também era portadora da doença.

Durante as investigações, a polícia descobriu que o acusado ainda tentou usar a filha para manter relação sexual com um primo dele, como pagamento de uma dívida. No entanto, a adolescente fugiu de casa com as duas irmãs, de 11 e 7 anos, e denunciou o pai.

Além de estuprar a adolescente, ele ainda teria assediado sexualmente as outras duas filhas dentro de casa, em um sítio no interior do bairro.

Você pode gostar