Por luana.benedito
Lotemaneto irregular no ItanhangáDivulgação

Rio - Policiais da Delegacia de Proteção ao Meio Ambiente (DPMA), prenderam nesta quinta-feira, Rafael de Souza Dalmas, de 26 anos, e José Luiz Pereira da Cruz, de 34 anos, por venda irregular de lotes em imóvel não desmembrado e sem autorização da Justiça, no Itanhangá, na Zona Oeste do Rio. 

De acordo com os agentes, Rafael era o responsável por um dos loteamentos irregulares e pela veiculação (através de folhetos, cavaletes e placa). Já José Luiz era o responsável por tomar conta de um dos terrenos.

Segundo a polícia, os compradores dos lotes também serão penalizados pela lei de crime ambiental, em razão de construírem imóveis sem as autorizações dos órgãos públicos. 

O delegado Roberto Nunes explica que o desmatamento ilegal retira a proteção natural do terreno, deixando toda a área exposta à ação das chuvas que penetram o solo desprotegido, aumentando a possibilidade de desabamentos e o risco para os moradores que vivem na região.

A polícia pede para que tem tiver informações que possam contribuir com as investigações entre em contato com a Central de Atendimento ao Cidadão (CAC) pelos telefones (21) 2334-8823 e 2334-8835 ou pelo https://cacpcerj.pcivil.r j.gov.br.

Você pode gostar