Corpo de PM morto após briga em São João de Meriti será enterrado nesta segunda

Segundo sargento tentava apartar briga em clube quando foi assassinado. Além do PM, um outro homem morreu e uma mulher foi baleada

Por O Dia

O segundo sargento da PM estava de folga quando foi assassinadoDivulgação

Rio - O corpo do segundo sargento da PM Cristiano da Anunciação Macedo, de 40 anos, lotado no 15º BPM (Duque de Caxias), será enterrado às 13h desta segunda-feira, no Cemitério de Vila Rosali, em São João de Meriti, na Baixada Fluminense.

O policial foi assassinado a tiros no fim da madrugada deste domingo, em uma confusão durante uma festa no Fazenda Futebol Clube, também em São João de Meriti. Outro homem morreu e uma mulher foi baleada. Ele é o nono PM morto nos primeiros 15 dias de 2017. A Delegacia de Homicídios (DH) aguarda o exame de DNA para confirmar se o corpo encontrado carbonizado em Santa Cruz, no último dia 7, é do subtenente reformado Cássio Ferreira, o que aumentaria o número para 10.

De acordo com a PM, testemunhas disse que o sargento, que estava de folga, tentou separar uma briga e acabou sendo baleado. Ele foi levado para Posto de Atendimento Médico (PAM) de Meriti, mas não resistiu aos ferimentos.

Segundo o Corpo de Bombeiros, Joice Kelly de Jesus Dias, 20 anos, foi socorrida na mesma unidade. Não há informações de seu estado de saúde. O outro baleado, Wallace dos Santos Pires, morreu no local. Não há informações sobre o seu sepultamento. 


Últimas de Rio De Janeiro