A cada 10 imóveis, seis têm furto de energia

Light faz operações para reprimir 'gatos'

Por O Dia

Rio - De toda a energia que é distribuída para a Zona Norte e para a Zona Oeste, 30% são furtadas. Para combater estas fraudes, a Light reforçou em 30% o efetivo na fiscalização. Mais de 600 profissionais estão mobilizados nas operações contra o furto de energia em bairros como Tijuca, Realengo e Engenho de Dentro. Somente esta semana, a cada 100 clientes, 60 possuíam alguma fraude de energia. Foram realizadas 4.666 inspeções, que resultaram em 2.780 irregularidades encontradas.

A Light aponta as ligações clandestinas de energia, conhecidas como “gatos”, como a principal causa para a sobrecarga na rede de distribuição, que provoca interrupções do fornecimento. Entre os dias 27 de dezembro de 2016 e 5 de janeiro deste ano, a concessionária atendeu a 40,5 mil chamados para resolver interrupções. O maior número de ocorrências, segundo a empresa, foi registrado justamente nas regiões onde se furta mais energia e as localidades mais afetadas são as Zonas Norte e Oeste e a Baixada Fluminense.

Durante as operações nos bairros, a agência móvel de atendimento ofereceu serviços como pedido de ligação nova, análise de contas e vistorias técnicas. O furto de energia pode ser denunciado pelo site www.light.com.br, pelo 0800 021 0196 ou pelas redes sociais da Light.

Últimas de Rio De Janeiro