Votação sobre venda da Cedae é adiada e não tem prazo para entrar em pauta

O colégio de líderes que discutiria as mais de 200 emendas referentes ao projeto também foi cancelado por conta do princípio de incêndio que atingiu a Alerj

Por O Dia

Rio - Prevista inicialmente para ocorrer amanhã, a votação sobre o uso de ações da Cedae para obtenção de empréstimos junto ao governo federal foi adiada e ainda não tem data para que entre em pauta na Assembleia Legislativa.

O colégio de líderes que discutiria as mais de 200 emendas referentes ao projeto também foi cancelado por conta do princípio de incêndio que atingiu o Palácio Tiradentes, sede da Alerj, na manhã desta segunda-feira.

O uso das ações da Cedae foi colocado como primordial pela União para viabilizar empréstimo de R$ 3,5 bilhões ao Estado do Rio. O governo afirma que usará o dinheiro para, entre outras medidas, arcar com a folha de pagamento de servidores. A Alerj ainda não divulgou a agenda de amanhã.

Últimas de Rio De Janeiro