PM é baleado em Nova Iguaçu

Ele tinha acabado de deixar sua mulher no ponto de ônibus, quando viu dois bandidos assaltando pedestres na Estrada de Madureira

Por O Dia

Rio - Um policial militar foi baleado durante uma troca de tiros com bandidos na Estrada de Madureira, em Nova Iguaçu, na Baixada Fluminense, na manhã desta quinta-feira. De acordo com relatos, ele tinha acabado de deixar a mulher no ponto de ônibus, quando viu dois suspeitos roubando pedestres na via. O PM reagiu e houve confronto no local.

O soldado, identificado como Vinicius Campos, teria sido atingido na boca. Ele foi socorrido, levado para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Cabuçu e depois transferido para o Hospital Geral de Nova Iguaçu. Até o momento, nenhum suspeito foi preso.

Ainda na manhã desta quinta-feira, outros dois PMs foram baleados na Zona Norte. Os casos ocorreram na Unidade de Polícia Pacificadora (UPP) da Nova Brasília, no Complexo do Alemão, e no Morro do Juramentinho, em Tomás Coelho. 

No Alemão, o soldado Bruno dos Santos Roque, de 35 anos, chegava para trabalhar quando foi atingido por tiros na barriga e coxa direita. Não se sabe de onde vieram os disparos. Ele foi socorrido por outros policiais e levado para o Hospital Getúlio Vargas, na Penha.

No segundo caso, no Morro do Juramentinho, o policial foi baleado durante uma operação para combater o tráfico de drogas e roubos de carros na região de Vicente de Carvalho e adjacências. O sargento Wilson de Carvalho, de 50 anos, do 3º BPM (Méier), foi atingido na na Rua Maracá por um tiro que veio do alto da favela.

A bala teria atingido o seu rosto, passado pelo pescoço e saído nas costas. Ele foi internado também no Hospital Getúlio Vargas, na Penha. A ação continua em andamento. De acordo com a PM, 28 PMs foram mortos desde o início de 2017.

Últimas de Rio De Janeiro