Tarifa do metrô vai subir para R$ 4,30

Mudança ocorre a partir do dia 2 de abril. Concessionária é obrigada a informar passageiros sobre o aumento com 30 dias de antecedência

Por O Dia

Rio - A passagem do metrô vai subir para R$ 4,30 a partir do dia 2 de abril, sofrendo um aumento de 6,5% sobre a homologação do reajuste anterior. A decisão foi tomada nesta quarta-feira pela Agetransp (Agência Reguladora de Serviços Públicos Concedidos de Transportes Aquaviários, Ferroviários, Metroviários e de Rodovias do Estado do Rio de Janeiro).

O reajuste é referente à variação do IGP-M (índice de inflação calculado pela Fundação Getúlio Vargas), entre janeiro de 2016 e janeiro de 2017, conforme previsto em contrato.

Plataforma da estação Botafogo lotada%2C após problema em trem na Linha 1Leitor Leonardo Douek

A concessionária é obrigada a informar os passageiros sobre o aumento tarifário com 30 dias de antecedência.

Na mesma sessão, a concessionária Supervia, que opera o transporte ferroviário, teve cinco recursos negados pela Agetransp, que manteve multas aplicadas entre novembro e dezembro de 2016, que somam R$ 584.153,65.

Barcas, trens e ônibus mais caros

O transporte aquaviário também ficou mais caro no último dia 12. A tarifa social (Praça Quinze-Praça Arariboia; Praça Quinze-Paquetá e Praça Quinze-Cocotá) subiu de R$ 5,60 para R$ 5,90. No bilhete único, o pagamento subiu de R$ 4,10 para R$ 5. A tarifa seletiva (Praça Quinze-Charitas) foi de R$ 15,40 para R$ 16,50.

Usuários dos trens passaram a desembolsar R$ 4,20 ao invés de R$ 3,70 no dia 2 deste mês.

Já nos ônibus intermunicipais, houve aumento de 10,48%. No dia 1° deste mês o Bilhete Único Intermunicipal passou de R$ 5,90 para R$ 6,50.

Últimas de Rio De Janeiro