Informe: Prefeitura quer voltar a equipar Guarda Municipal com armas não letais

Medida faz parte da política do prefeito Marcelo Crivella de tentar auxiliar a polícia no combate a roubos e furtos

Por O Dia

Rio - A prefeitura quer voltar a equipar a Guarda Municipal com armas não letais que foram proibidas pela Justiça, por meio de liminar, em 2013. Secretário municipal de Ordem Pública, Paulo Cesar Amendola pretende resgatar do estoque sprays de pimenta e 104 pistolas taser — aquelas que, por meio de choque, imobilizam temporariamente o alvo.

O processo, cujas considerações finais foram feitas em dezembro do ano passado, aguarda a sentença. Caso a 6ª Vara de Fazenda Pública mantenha a proibição, a Procuradoria Geral do Município recorrerá da decisão. A medida faz parte da política do prefeito Marcelo Crivella de tentar auxiliar a polícia no combate a roubos e furtos. 

Camelôs

Em 2013, o Ministério Público Estadual conseguiu interromper o uso do armamento não letal. À época, sustentou que agentes da Guarda Municipal atuavam “de forma violenta e abusiva, atentando contra a dignidade humana dos (vendedores) ambulantes”.

Bebeto entra de sola

O clima azedou de vez na bancada do PDT na Assembleia Legislativa. Bebeto procurou a coluna para dizer que não gostou nada de brincadeira de Cidinha Campos. Durante a votação da privatização da Cedae, como saiu aqui, ela disse no Plenário que não via o ex-jogador na Alerj há muito tempo. 

O tetra é treta

“Ela deve estar com amnésia, porque nós nos falamos dez minutos antes de ela dizer aquilo. Uma pessoa que visitou Sérgio Cabral na cadeia não tem moral para falar qualquer coisa de mim”, dispara. Bebeto afirma que é presença assídua na Alerj e que outros deputados também reprovaram a brincadeira da correligionária.

Remanescente

Tido na equipe de Crivella como peça-chave na organização e realização do Carnaval deste ano, Mário Felippo, da RioTur, é uma herança de... Eduardo Paes. Felippo foi nomeado subprefeito da Zona Sul na gestão do peemedebista.

Campanha antecipada

Indicado pela vereadora Tânia Bastos (PRB), o administrador regional da Ilha, Márcio Pimenta, também ligado à Igreja Universal, comete o pecado da vaidade. No lugar da logomarca da prefeitura, o Facebook institucional do órgão leva a foto de... Pimenta. 

Tuberculose

Segundo a Fiocruz, o Rio é o estado com maior incidência de tuberculosos no país: 70 casos a cada 100 mil habitantes. Por conta disso, a Câmara criou uma Frente Parlamentar de Combate à Tuberculose, presidida pelo vereador e médico Alexandre Arraes (PSDB).

Últimas de Rio De Janeiro