Incêndio atinge mais de cem carros em depósito em Irajá

Inicialmente, o Corpo de Bombeiros informou que o terreno era do Dnit. No entanto, o órgão afirmou que o pátio é da DRFA

Por O Dia

Rio - Um incêndio de grandes proporções destruiu mais de cem carros em um depósito, em Irajá, Zona Norte do Rio, na manhã desta segunda-feira. O terreno pertence ao Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit), mas está cedido para a Delegacia de Roubos e Furtos de Automóveis (DRFA). O pátio reúne veículos recuperados pela Polícia Civil.

Um incêndio destruiu mais de cem carros em um depósito em Irajá nesta segunda-feira. Segundo o Dnit%2C o pátio reúne veículos apreendidos pela DRFAFoto%3A Maíra Coelho / Agência O Dia

De acordo do tenente-coronel Raphael Gonçalves, do quartel de Irajá, os bombeiros precisaram utilizar 10 viaturas para controlar o incêndio e 40 agentes foram acionados para o local. "Chegamos rápido e fizemos um trabalho de inteligência para combater o fogo e para ele não se alastrar", disse Gonçalves, acrescentando que havia carros com cilindros, que poderiam causar explosões.

Segundo Centro de Operações, a fumaça foi vista em diversos pontos da via e diminuiu a visibilidade dos motoristas que passavam pela região. Por volta das 9h, a pista de acesso da Rodovia Presidente Dutra para a Avenida Brasil, no sentido Zona Oeste, precisou ser interditada.

O trânsito foi desviado para o Trevo das Margaridas. Houve lentidão na Avenida Brasil, no sentido Centro, e motoristas enfrentaram retenções entre Guadalupe e Irajá.

Reportagem do estagiário Rafael Nascimento

Últimas de Rio De Janeiro