Ônibus é assaltado no mesmo local em que bandido fez passageiros reféns

Veículo da linha 143M (São Gonçalo - Niterói) foi parado na Avenida do Contorno, na subida da Ponte, meia hora depois de sequestro

Por O Dia

Rio - Um ônibus da linha 143M (São Gonçalo - Niterói) foi assaltado meia hora depois no mesmo local (na Avenida do Contorno, na subida da Ponte Rio-Niterói) em que um criminoso fez passageiros reféns na manhã desta terça-feira. De acordo com o motorista do 143M, Romeu da Silva, 48 anos, o homem entrou no veículo e levou o dinheiro do caixa. 

Romeu da Silva, motorista do ônibus assaltado: 'Todo dia é isso. A gente se sente inseguro'Maíra Coelho / Agência O Dia

"Todo dia é isso. A gente se sente inseguro, pois infelizmente a polícia não dá conta de tudo. Não tem como!", disse o motorista aflito.

Ainda segundo o condutor, além do caixa do ônibus, outro passageiro foi roubado. "Esse homem está acostumado a assaltar neste trecho. Eles traçam uma estratégia e fazem. Ela foi agressivo, perguntou se eu queria ganhar uma coronhada. Estou abalado", disse. 

Ônibus da linha 143M foi roubado no mesmo local onde homem fez refénsMaíra Coelho / Agência O Dia

Assaltos frequentes 

De acordo com motoristas que operam na Ponte-Rio Niterói, assaltos a ônibus na região são frequentes. "Eles roubam hoje. Passa uns dias e depois roubam de novo", contou Romeu. 

Na manhã desta terça-feira, trinta passageiros foram feitos reféns dentro de um ônibus da linha 409M (Alcântara-Niterói), na Avenida do Contorno, na subida da Ponte Rio-Niterói. O homem anunciou o assalto dentro do coletivo às 8h50.

Morador de São Gonçalo, Jhon Lennon Silva Barbosa, de 25 anos, se entregou às 9h45 perto do pedágio e foi levado a para 76ª DP (Niterói). Segundo testemunhas, o bandido anunciou o assalto dizendo que precisava comprar leite para seus filhos e que também precisava conseguir dinheiro para pagar a passagem até o local onde assinaria a condicional.  



Últimas de Rio De Janeiro