Tiroteio provoca pânico na Avenida Presidente Vargas, no Centro do Rio

Criminosos estavam em motos praticando assaltos na via quando foram supreendidos por agentes do Centro Presente. Ônibus foi atingido por tiros

Por O Dia

Rio - Um tiroteio envolvendo agentes do Centro Presente e assaltantes provocou pânico em motoristas e pedestres na Avenida Presidente Vargas, na altura da Rua Santana, no Centro do Rio, na manhã desta terça-feira. De acordo com informações, os criminosos estavam em motos praticando assaltos na via quando foram surpreendidos e iniciou a troca de tiros, que atingiu pelo menos um ônibus. Ninguém ficou ferido dentro do veículo, da linha 306 (Praça Seca x Castelo) da Viação Redentor, segundo a empresa.

De acordo com agentes do Centro Presente, quatro homens em três motos tentaram roubar outra motocicleta na altura do prédio Balança Mas Não Cai. Quando perceberam a presença dos agentes, atiraram contra eles. Após o tiroteio, os bandidos fugiram abandonando duas motos, uma delas roubada na área do 18ª DP (Praça da Bandeira).

Ninguém ficou ferido.Durante a fuga os suspeitos roubaram um veículo, que em seguida foi abandonado na Avenida Binário do Porto.

Ônibus foi atingido por tiro na Avenida Presidente Vargas%2C durante tiroteio entre agentes do Centro Presente e assaltantesLeitor WhatsApp O DIA (98762-8248)

De acordo com a Viação Redentor, o ônibus atingido por quatro tiros vai passar por manutenção e ficará dois dias fora de operação, o que prejudica o transporte de passageiros. Somente este ano, atos criminosos destruíram 19 ônibus em incêndios, e outros 43 em 2016. Segundo a representante das empresas, a violência impacta rodoviários e passageiros das linhas de ônibus. O caso foi registrado na 4ª DP (Central do Brasil).


Últimas de Rio De Janeiro