Operações policiais em comunidades deixam milhares de alunos sem aula

Crianças e adolescentes de escolas, creches e EDIs do Jacarezinho, Alemão, Manguinhos e Maré estão sem atendimento na manhã desta quinta-feira

Por O Dia

Rio - Quase 10 mil alunos da rede municipal de ensino do Rio estão sem aulas na manhã desta quinta-feira por conta de operações policiais nas regiões dos complexos do Alemão, da Maré, em Manguinhos e no Jacarezinho, na Zona Norte da cidade.

Carros blindados da PM estavam na Maré nesta quintaReprodução Facebook

De acordo com a Secretaria Municipal de Educação (SME), na Maré nove escolas, duas creches e quatro Espaços de Desenvolvimento Infantil (EDIs) estão fechados nesta manhã, totalizando 4627 alunos sem atendimento. Policiais do Comando de Operações Especiais (COE) da PM estão no complexo junto com o Grupo de Atuação Especial em Combate ao Crime Organizado (Gaeco), do Ministério Público do Rio (MPRJ), para cumprir mandados de prisão contra traficantes. Os policiais também estão em Manguinhos, onde duas duas escolas e duas creches estão sem atendimento, deixando de receber 1298 alunos.

No Complexo do Alemão, que tem sido há pelo menos sete dias cenário de confronto diários, causando quatro mortes de moradores, 1.952 alunos de duas escolas e dois EDI's estão sem atendimento nesta manhã.

O número é parecido com o de alunos sem aula no Jacarezinho, onde a PM e o Gaeco também realizam a operação. Um jovem foi baleado e morto nesta manhã. De acordo com a SME, duas escolas, três creches e dois Espaços de Desenvolvimento Infantil não abriram, totalizando 1.934 alunos sem atendimento.

PM e GAECO realizam Operação Turma do Chapa

A operação realizada nesta quinta-feira pela Polícia Militar, através da Coordenadoria de Inteligência (CI) e em conjunto com o Grupo de Atuação Especial em Combate ao Crime Organizado (Gaeco) do Ministério Público do Rio (MPRJ), visa cumprir 11 mandados de prisão e 31 mandados de busca e apreensão contra integrantes do tráfico de drogas que atuam no Complexo da Maré e Jacarezinho.  A ação também ocorre no município de Guapimirim, na Região Metropolitana do Rio, além de outras localidades, como a comunidade do Pica-Pau, em Cordovil.

De acordo com a PM, a Coordenadoria de Polícia Pacificadora (CPP) realizou as ações no Jacarezinho, enquanto nas favelas Nova Holanda e Parque União, na Maré, estão com policiais do Comando de Operações Especiais (COE) - Bope, BPChq, BAC e GAM. E a Coordenadoria de Inteligência (CI) atua em Guapimirim. Na comunidade do Pica-Pau estão policiais do 1º Comando de Policiamento de Área (CPA). Não foi informado se mandados foram cumpridos. 

Últimas de Rio De Janeiro