Por thiago.antunes

Rio - Ex-presidente do Tribunal de Contas do Estado que delatou outros cinco conselheiros por atuação em esquema de corrupção do qual também participava, Jonas Lopes prepara seu retorno ao Brasil.

Ele terá que voltar até a semana que vem, quando terminará o prazo dado pelo Superior Tribunal de Justiça para que permaneça no exterior. As revelações de Lopes implodiram a reputação do TCE.

Ameaças

Há, no entanto, uma possibilidade de Jonas Lopes ter os dias para ficar no exterior prorrogados. Isto por conta de “possível ameaça à testemunha/ delator por parte de José Maurício Nolasco”, um dos conselheiros citados por Lopes. A informação sobre a ameaça consta em documento enviado pelo Ministério Público Federal à Justiça.

Especialista

“Esses 40 dias fixados, entendendo-se que não foram suficientes, podem ser prorrogados sem qualquer problema. A lei é aberta nesse sentido”, explica o jurista Luiz Flávio Gomes.

Andar: corrupção

Quando políticos envolvidos nas falcatruas iam ao TCE, usavam o “elevador secreto”, que não tem câmeras e liga a garagem do tribunal diretamente aos gabinetes dos conselheiros. Nem mesmo recepcionistas e seguranças do prédio sabiam do fluxo dessas pessoas.

And the Oscar goes to...

Ao receber resultados de auditorias do corpo técnico do TCE que apontavam desvio de dinheiro no estado e em prefeituras, Jonas Lopes olhava para os servidores e esbravejava: “Esses vagabundos! Roubar da Saúde e da Educação deveria ser crime hediondo”. Ah, tá.

Agora é oficial

O projeto que antecipa a arrecadação de ICMS pelo governo do estado entrará na pauta da Assembleia Legislativa na próxima terça, como o Informe publicou ontem.

Mobilização nacional

PT e PDT participam hoje de manifestação, em frente à Câmara Municipal, contra as reformas de Temer. O vereador Fernando William (PDT) aderiu à greve e não abrirá seu gabinete.

Novo comando

Com o afastamento de Casé (PMDB) pela Justiça Eleitoral, o presidente da Câmara de Paraty, Santos Coquinho (PHS), assumiu ontem a prefeitura.

Documentário

Saturnino Braga gravou para ‘Os herdeiros de Vargas’, no auditório do Centro Cultural Desembargador Aloysio Maria Teixeira.

Coisa de rubro-negro

Piada de ontem na Alerj: foi só Eurico Miranda visitar a Casa para a luz... cair.

Você pode gostar