Quatro PMs são baleados em confronto no Complexo do Alemão

Tiroteio ocorre um dia após moradora ser morta com um tiro na cabeça na comunidade. Um dos policiais atingidos está em estado grave

Por O Dia

Rio - Quatro policiais militares foram baleados, na manhã desta terça-feira, durante um confronto no Complexo do Alemão, Zona Norte do Rio. Uma das vítimas, em estado mais grave, foi ferida na coxa. Enquanto isso, um dos soldados foi atingido na panturrilha, um tenente foi baleado de raspão na cabeça e um cabo, por estilhaços no rosto.

Segundo o comando da Unidade de Polícia Pacificadora (UPP) Nova Brasília, os policiais faziam patrulhamento na localidade conhecida como Beco do Gesso, por volta das 11h, quando foram atacados. Buscas estão em andamento e o Batalhão de Operações Policiais Especiais (Bope) foi acionado para reforçar as buscas na comunidade. Esse é o segundo confronto registrado na Nova Brasília nessa manhã. Mais cedo, equipes foram atacadas na região do Capão.

Desde o início da manhã, moradores relatam intenso tiroteio na favela. O confronto ocorre um dia após uma mulher, de 56 anos, ser morta por um tiro na cabeça. Marinete Berto foi atingida no tiroteio entre policiais e bandidos no fim da tarde desta segunda-feira.

Ela chegou a ser socorrida por vizinhos e levada para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) da favela. De acordo com o jornal Voz das Comunidades, Marinete foi estabilizada no local e transferida para o Hospital Salgado Filho, no Méier, também na Zona Norte, mas faleceu na unidade. Ainda não há informações sobre data e local de sepultamento da vítima.

Últimas de Rio De Janeiro