Criminosos atiram na UPA de Manguinhos

Vídeo mostra cenas impactantes de pacientes correndo em pânico para escapar. Policiais se abrigaram na unidade e bandidos dispararam

Por O Dia

Rio - A Unidade de Pronto-Atendimento (UPA) de Manguinhos foi alvo de tiros de criminosos que realizaram disparos para dentro da unidade de sáude, enquanto policiais socorriam um suposto traficante para o local.

Em um vídeo que circula nas redes sociais, é possível ver o pânico dos pacientes. A troca de tiros deixou cápsulas no chão e paredes da unidade.  Nas imagens, um homem aparece algemado e sentado ao chão. Em seguida, os policiais pedem para ele correr. Segundos depois, um grupo de pacientes aparece correndo, inclusive uma criança e uma mulher carregada por três pessoas.

De acordo com a Secretaria Municipal de Saúde, um carro passou e os ocupantes fizeram disparos contra os policiais, que se abrigaram na UPA e teriam reagido. Ninguém teria ficado ferido.

O tiroteio ocorreu menos de 24 horas após a morte do morador Wilson Melo de Oliveira, de 63 anos, ter sido vítima de bala perdida, na mesma comunidade.

O idoso estava dentro de casa, quando foi atingido na cabeça, durante uma troca de tiros entre policiais e criminosos. Segundo o comando da Unidade de Polícia Pacificadora, os agentes checavam uma denúncia sobre um caminhão de carga roubado, quando foram atacados por bandidos. Os criminosos conseguiram fugir.

Últimas de Rio De Janeiro