Professor da Uerj pede trabalho em cartaz para criticar situação dos servidores

'Alguém pode me arrumar um trabalho? Afinal preciso pagar as minhas contas', diz Evandro, professor de Engenharia Química há 19 anos

Por O Dia

Evandro%2C professor de química da UerjReprodução Facebook

Rio - Um professor de Engenharia Química da Uerj resolveu protestar contra a situação imposta aos funcionários e servidores da instituição, que não têm previsão para receber os salários atrasados.

Evandro Pereira postou no Facebook, neste sábado, uma foto em que aparece com um cartaz pedindo emprego. A foto viralizou nas redes sociais e já tem mais de 2.300 compartilhamentos.

O professor chegou até a receber ofertas de dinheiro, mas explicou na legenda da publicação que fez a foto apenas para chamar atenção para a situação.  

Em seu cartaz, Evandro cita uma reportagem publicada no DIA desta sexta-feira, informando que "o estado ainda não tem previsão para os salários de abril". 

"Caros amigos do Face. Estou postando uma foto que expressa a situação que estamos passando na Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ), devido ao descaso total do (des)Governo do Estado do Rio de Janeiro em relação à nossa Instituição. Uma grande quantidade de docentes altamente qualificados passando por essa situação catastrófica. O objetivo desta foto é ser divulgada nas redes sociais visando dar visibilidade ao caos que o Governo implantou em nossa Instituição. Se quiserem compartilhar será ótimo. Tirei essa foto também na rua e já causou impacto. Um senhor quis contribuir com dinheiro e expliquei que era só uma foto para divulgação", escreveu Evandro na legenda da foto. 


Últimas de Rio De Janeiro