Informe do DIA: PDT - Nos mares da oposição

Partido acredita que é hora de marcar posição contra o governo, seja ele o estadual ou o federal

Por O Dia

Rio - O PDT afirma que é hora de marcar posição contra o governo, seja ele o estadual ou o federal. No Rio, o partido decidiu pelo afastamento definitivo da base do governador Pezão (PMDB). A partir de agora, deputados pedetistas terão que submeter seus votos previamente à direção do partido. A medida afeta principalmente Cidinha Campos e Luiz Martins, que têm votado com o governo em ocasiões em que a maioria da bancada tem se posicionado contra.

Já em relação a Michel Temer (PMDB), a ordem é se alinhar a partidos que defendem a saída do presidente e a convocação de eleições diretas.

De olho em 2018

O objetivo é reforçar junto à população, a pouco mais de um ano das eleições, a ideia de enfrentamento.

Desgaste

“Já estamos há um ano fora do governo estadual. Agora temos que marcar mais nossa independência para seguir nosso caminho. Não podemos sofrer o desgaste desse governo. Não somos da turma do ‘quanto pior, melhor’, mas não podemos associar nossa imagem”, diz Carlos Lupi, presidente nacional do PDT.

Terra natal

Pezão aproveitou o feriadão para rever a família e descansar em Piraí. Ele tem enfrentado maratona de viagens a Brasília por conta do plano de recuperação fiscal do Rio.

Moreno e a escada

Pezão lamentou a morte do jornalista político Jorge Bastos Moreno, do jornal ‘O Globo’. O colunista costumava visitá-lo em seu apartamento no Leblon e brincava que “ainda morreria” ao fazer isso. O motivo? Os dois lances de escada que tinha que subir, já que o prédio não tem elevador. Pezão rebatia. Brincava que nem o seu vice, Francisco Dornelles, hoje com 82 anos, ficava tão ofegante ao concluir a tarefa.

Câncer na próstata

Amigos de Marcelo Crivella (PRB) estão preocupados com a saúde do prefeito. Dizem que ele não tem tratado o câncer na próstata da forma como deveria.

Dom Pedro II enforcou

Pais de alunos do Colégio Pedro II, da rede federal, estão uma fera com o enforcamento da aula, hoje, por conta do feriadão. Lembram que, devido à greve que chegou a durar três meses, o ano letivo de 2017 só deve ser concluído em março de 2018.

Empreendedorismo

Estudantes da rede estadual de ensino terão aulas de empreendedorismo a partir de julho com profissionais de nove empresas de petróleo. Trata-se de parceria da Secretaria de Educação com o Instituto Brasileiro de Petróleo e a associação Junior Achievement.

Últimas de Rio De Janeiro