Crivella sanciona lei que autoriza música ao vivo nos quiosques da orla

Apresentações devem terminar no máximo às 22 horas

Por O Dia


Rio - O prefeito do Rio de Janeiro, Marcelo Crivella, sancionou nesta quinta-feira, no Palácio da Cidade, a lei complementar 172/2017, que permite a realização de shows ao vivo nos quiosques da orla da cidade. De acordo com o texto, as apresentações devem terminar, no máximo, às 22h, nos dias de semana e domingo, e à meia-noite nas sextas, sábados, feriados e vésperas. "Imagino o pôr do sol na orla com as músicas enaltecendo a beleza do Rio", disse o prefeito ao sancionar o texto.

O prefeito Marcelo Crivella ao lado do vereador Renato Moura (PDT) e de Priscila da Cruz BastosDivulgação

O vereador Renato Moura (PDT), autor da lei, acompanhou a solenidade e comemorou a possibilidade de novos trabalhos para os artistas. "É um dia importante para a classe porque a nova regulamentação vai gerar emprego e renda". Priscila da Cruz Bastos, que falou em nome da categoria, disse que serão abertas cerca de 1.500 oportunidades emprego com a assinatura da lei.

Últimas de Rio De Janeiro