Mais Lidas

Macrofunção de ordenamento da Prefeitura tem operações em diversos pontos do Rio

Coordenadas pela Seop, equipes já passaram pelo Méier e têm atividades programadas na Lapa, Praça XV, orla de Copacabana, Tijuca e entorno dos estádios São Januário e Engenhão

Por tabata.uchoa

Rio - A Macrofunção de Ordenamento e Gestão Sustentável dos Espaços Públicos (Mosep) da Prefeitura do Rio realiza operações em diversos pontos da cidade neste fim de semana. Coordenadas pela Secretaria Municipal de Ordem Pública (Seop), as ações envolvendo vários órgãos municipais e a Polícia Militar começaram na noite desta sexta-feira pelos bairros do Méier e Lapa.

Macrofunção de ordenamento da Prefeitura tem operações em diversos pontos da cidade neste fim de semanaDivulgação

Neste sábado, os trabalhos acontecem desde às 7h na Praça XV por conta da festa junina Pérola da Guanabara, em Paquetá, com atenção para possíveis tentativas de embarque de mercadorias e estruturas por comerciantes não autorizados.

Outro evento que conta com o reforço da Mosep desde às 8h é o aniversário de 258 anos da Tijuca, na Praça Saens Pena. Desde às 9h, equipes atuam ainda no entorno do Estádio São Januário, por conta da partida entre Flamengo e Vasco marcada para às 18h, e na orla de Copacabana.

Para o domingo, são previstas ações na Praça Saens Pena, orla e entorno do Estádio Nilton Santos (Engenhão), que recebe o jogo Botafogo x Atlético-MG. O objetivo é coibir irregularidades, como o comércio ambulante ilegal e estacionamento em local proibido.

No Méier, as equipes atuaram, a partir das 19h desta sexta, nas ruas Dias da Cruz, Silva Rabelo, Galdino Pimentel e Medina. A ação resultou em 11 estabelecimentos vistoriados e notificados a apresentar as taxas para mesas, cadeiras e letreiros. Já a Vigilância Sanitária realizou quatro vistorias, fez três intimações e autuou dois estabelecimentos.

Participaram da operação a Guarda Municipal do Rio de Janeiro (GM-Rio) e as coordenadorias de Fiscalização de Estacionamentos e Reboques (Cfer) e de Transporte Complementar (CETC) - órgãos da estrutura da Seop -, além das coordenadorias de Licenciamento e Fiscalização (CLF) e de Gestão dos Espaços Urbanos (CGEU), Subsecretaria de Vigilância, Fiscalização Sanitária e Controle de Zoonoses, Superintendência do Méier e Polícia Militar.

A ação foi motivada por reclamações da própria população, por meio do 1746, sobre ocupação de calçadas por bares e restaurantes, ruído, som alto e estacionamento irregular.

A Mosep, nova força-tarefa da Prefeitura do Rio, entrou em ação no dia 1º de junho e já passou por diversos bairros das regiões Norte, Sul, Oeste e Central. A Macrofunção foi criada no dia 29 de maio por decreto do prefeito Marcelo Crivella como forma de proporcionar mais agilidade às operações conjuntas de ordenamento em pontos críticos da cidade.

O planejamento operacional é feito a partir de um cronograma que pode ser alterado de acordo com a necessidade de ações mais pontuais. São prioridades as demandas recebidas pelo 1746 (Central de Atendimento da Prefeitura), solicitações de órgãos do quadro da própria prefeitura e também as provenientes de ações do Ministério Público, entre outras. Os órgãos são convocados com base no perfil de cada operação previamente programada.


Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia