Preso que incitou violência em classico é transferido para segurança máxima

Vitor Portêncio da Silva, o Gringo, foi flagrado ao celular dizendo que "nada mudou". Ele vai ficar em Regime Disciplinar Diferenciado (RDD) em Bangu I

Por O Dia

Rio - A Justiça determinou, com base no pedido da 2ª Promotoria de Justiça, do Ministério Público do Rio (MPRJ), a transferência para um presídio de segurança máxima de Vitor Portêncio da Silva, o Gringo, integrante de uma torcida organizada do Flamengo, preso por participação na morte de um torcedor do Botafogo, após ele ser flagrado falando de um celular de dentro da cadeia incitando a violência no clássico do último sábado, em São Januário. Ele está desde esta quarta-feira em Bangu I, na Zona Oeste, onde cumprirá a pena em Regime Disciplinar Diferenciado (RDD).

O caso dos áudios e a tranferência de Gringo foram divulgados pela Globonews. Nas conversas, colocadas em grupo de WhatsApp da torcida Jovem do Flamengo, ele dá ordens incitando brigas como rivais de organizadas do Vasco, dizendo que, mesmo preso, "nada mudou"

Vitor estava preso em Japeri e convocou ataque a vascaínos no sábado. Ele foi transferido para Bangu ISeverino Silva / Agência O Dia

“Sábado é dia de confronto. Dia de caô, mano. Separa as madeiras, barras de ferro, pra cima deles”, afirmou Gringo, que fez ainda pedido para outros integrantes da TJF. “É porrada neles (torcedores da Força Jovem do Vasco). Porrada neles! Pedido do Gringo. É para colocar aquele carro às 5h da manhã e já arrebentar.” ""É o bonde do espeto, tem que respeitar", fazendo referência a objeto usado para matar torcedor do Botafogo. 

Gringo está preso acusado de participar do assassinato do torcedor do Botafogo Diego Silva dos Santos, no dia 12 de fevereiro, numa briga entre torcedores do lado de fora do Estádio do Nilton Santos, no Engenho de Dentro, antes do clássico entre Flamengo e Botafogo, pelo Campeonato Carioca. Gringo responde na Justiça pelos crimes de  homicídio, associação criminosa e roubo qualificado.


Últimas de Rio De Janeiro