Apreendido adolescente suspeito de participar de latrocínio em joalheria

O menor de 12 anos de idade conhecido como "Bebezinho" foi identificado durante uma operação na Mangueira nesta terça-feira

Por O Dia

Rio - Policiais da Delegacia de Homicídios (DH) da Capital apreenderam, nesta terça-feira, um adolescente suspeito de ter participado no latrocínio ocorrido em janeiro deste ano, na joalheria Monte Carlo, na Tijuca, Zona Norte. Na ocasião, duas pessoas ficaram feridas e o policial militar Jefferson Cruz Pedra foi morto.

O menor apreendido tem 12 anos de idade e é conhecido como "Bebezinho". Ele foi identificado por policiais civis durante uma operação na comunidade da Mangueira, que acionaram os policiais da DH. O Plantão Judiciário já expediu um mandado de busca e apreensão do adolescente nesta madrugada. 

O crime

Cinco homens assaltaram uma joalheria do Tijuca Off Shopping, na Rua Barão de Mesquita, próximo ao Shopping Tijuca, na noite do dia 4 de janeiro deste ano. Jefferson Cruz Pedra, policial militar que trabalhava como segurança no local, foi baleado e chegou a ser socorrido e levado para o Hospital Federal do Andaraí, mas não resistiu. Na ocasião, um casal também foi baleado. Eles foram levados para o mesmo hospital e sobreviveram.


Últimas de Rio De Janeiro