Veja dicas de programas para aproveitar a lua cheia no Rio

Programação inclui de meditação na praia ao Planetário. Fase lunar começa nesta segunda-feira

Por O Dia

Rio - De tormento dos lobisomens à musa dos namorados, a lua cheia já batizou canções de Chico Buarque e do Raça Negra. O fascínio pela fase lunar é tamanho que ela inspira diversos eventos noturnos no Rio de Janeiro. A partir de hoje, quando se inicia o novo ciclo do astro, passeios e meditações visam capturar um pouco da magia do luar.

Um programa que já virou tradição carioca é a meditação da lua cheia, organizada pelo Arte de Viver na Praia Vermelha, hoje, às 20h. “Fazemos ioga, técnicas de respiração e meditação. Depois, olhamos para a lua e temos aquela conexão”, diz o instrutor de meditação Alexandre Lopes, de 33 anos. Há ainda sessões no Beach Lounge (Av. do Pepê, 930 - Barra da Tijuca); e One EcoWorking House (Rua Nossa Senhora de Lourdes, 101 - Grajaú). Todas as opções são gratuitas. Informações pelo telefone: 3624-1900 e 3624-1800.

Para quem quer ver com mais detalhes o grande astro, a dica é o Planetário do Rio, que promove observações gratuitas do céu, com telescópio, às quartas-feiras, às 18h30. Além da lua, nessa época dá para ver também Júpiter e Saturno. O astrônomo do Planetário, Alexandre Cherman, explica que a lua cheia ocorre quando o corpo celeste, ao girar ao redor da Terra, fica oposto ao Sol, sendo totalmente iluminado por sua luz.

Outra opção para aproveitar a fase lunar são os passeios noturnos no Jardim Botânico, que são bastante concorridos. Só há vagas para o mês de outubro. As reservas podem ser feitas pelo e-mail socios@amigosjb.org.br. A entrada custa R$ 20. Os visitantes são convidados a olhar também para baixo, para a fauna e flora noturna. A ideia é estimular outros sentidos além da visão, como a audição do canto de sapos, pios de corujas e voos de morcegos.

A lua cheia também foi inspiração para as cavalgadas noturnas no Haras Pegasus, em Vargem Grande. O passeio, com até nove pessoas, dura 1h40 e atravessa trilhas do Maciço da Pedra Branca. O preço é R$ 120. Mais informações no telefones: 2428-1228 e 2428-1687.

Últimas de Rio De Janeiro