Portal pede informações sobre traficantes de Manguinhos

Segundo a polícia, todos os suspeitos são ligados à facção Comando Vermelho e são considerados foragidos da Justiça

Por O Dia

Rio - O Portal dos Procurados divulgou, nesta quarta-feira, oferecendo uma recompensa de R$ 1 mil por informações sobre traficantes de Manguinhos, na Zona Norte. Segundo o Disque-Denúncia, todos eles são ligados à facção Comando Vermelho e são considerados foragidos da Justiça.

Segundo investigações, após a pacificação no Complexo do Alemão, em novembro de 2010, o tráfico de Manguinhos assumiu o papel de "entreposto de entorpecentes", com conexões interestaduais, como Mato Grosso do Sul e São Paulo. Além disso, a comunidade se tornou um dos principais pontos de vendas de drogas da facção. 

Portal dos Procurados pede informações sobre traficantes de ManguinhosDivulgação

A polícia descobriu ainda que o tráfico da comunidade teve um lucro milionário com as vendas de maconha, crack e lança-perfume para favelas dominadas pela mesma facção na Zona Oeste do Rio, São Gonçalo, Niterói e Baixada.

Os suspeitos são: Bruno Ricardo Correa da Silva, o Lambão, de 34 anos; Israel Miranda de Lima, o Rael, 22; Jefferson de Menezes Ferreira, o Jefinho, de 37; José Augusto Ferreira, de 28; Lucas Eduardo Araujo Santos, o Pé de Pano, de 23; Willian de Souza Guedes, o Chacota, de 22; Matheus Borges Hering, de 23; Michel dos Santos Eiras, o Michelzinho, de 20; Marcelo dos Santos, o Coruja, de 30; Paulo Roberto Azevedo dos Santos, o Cachopa, de 33; Ronnie de Oliveira, o Chupeta, de 26; e Sergio Coelho da Silva, o Coelho, de 33 anos.

O chefe do tráfico de drogas, Marcelo Fernando Pinheiro Veiga, o Marcelo Piloto, teria participado da derrubada do helicóptero da PM em 2009, no Morro dos Macacos. Atualmente, de acordo com a polícia, o traficante fortaleceu sua atuação como matuto (responsável pelo abastecimento de armas e drogas) da maior facção criminosa do Rio, e afastou-se do estado.

A polícia destacou também que a ocupação de Manguinhos foi definitiva para Piloto resolver ficar no Paraguai, e de lá controlar os seus negócios. O Portal dos Procurados oferece uma recompensa de R$ 10 mil por informações que levem a sua captura. Na ausência de Piloto, quem comanda o tráfico na região é Bruno Ricardo.

Em agosto de 2009, ele foi preso por policiais da 21ª DP (Bonsucesso). Naquela época, o traficante era considerado o segundo homem na hierarquia do tráfico, que era chefiada por Daniel Luiz Soares, o DN ou Papai. 

Outro procurado é Jefferson Menezes. Ele é acusado de envolvimento na morte de um soldado, na Ilha do Governador, em abril de 2015. Lotado na UPP de Manguinhos, Clayton Fagner Alves Dias foi assassinado com mais de 20 tiros nas costas.  

Quem tiver qualquer informação sobre a localização dos acusados, pode denunciar pelo: WhatsApp ou Telegram do Portal dos Procurados (21) 98849-6099; pela mesa de atendimento do Disque-Denúncia (21) 2253-1177, pelo Facebook/(inbox), endereço: https://www. facebook.com/procurados.org/, ou pelo aplicativo do DD/Rio. Em todos os canais de denúncias, o anonimato é garantido.

Todas as informações serão encaminhadas para a 21ª DP, que está encarregada do inquérito criminal, e para UPP de Manguinhos.   

Últimas de Rio De Janeiro