Guarda Municipal multa 303 veículos

Há um mês, ação coíbe estacionamento irregular em lava a jatos na Mangueira

Por O Dia

Rio - Desde que começou, há um mês, a ação rotineira da Guarda Municipal para coibir estacionamento irregular em lava a jatos na região da Mangueira, na Zona Norte, multou 303 veículos. As infrações foram registradas ao longo da Rua Visconde de Niterói e da Avenida Radial Oeste.

A fiscalização faz parte das ações coordenadas pela Secretaria de Ordem Pública (Seop), para impedir a ocupação das calçadas e faixas das vias por lava a jatos clandestinos. Mas a atuação da Seop no local também tem como objetivo a retirada das duchas ilegais, que “se mantêm com a prática de crimes como o furto de água e de energia elétrica”, como destacou a secretaria.

Ação tem como foco dar fim ao estacionamento irregular e ao funcionamento das duchas ilegaisDivulgação

A multa aplicada na região foi por ‘estacionar sobre a calçada ou faixa de pedestre’, infração grave segundo o Código de Trânsito Brasileiro. O valor é de R$ 195,23, e o motorista perde cinco pontos na carteira.

Operação conjunta

Duas ações conjuntas para a retirada dos lava a jatos foram realizadas na Mangueira, nos dias 10 e 20 de julho, encerrando a atividade de 23 estabelecimentos. As operações foram realizadas por órgãos municipais e estaduais, como a Cedae, Light e Polícia Militar, e foram coordenadas pela Seop.

As operações também resultaram no corte de 28 ligações clandestinas de água e 10 de energia elétrica. Segundo a Seop, foram recolhidas mais de três toneladas de materiais usados pelos lavadores, como madeira, lonas, panos, mangueiras, baldes, lixeiras e tonéis usados para armazenar água.

O trabalho direcionado ao fim dos estabelecimentos ilegais continuará. A secretaria afirmou que atuará no monitoramento das vias da região da Mangueira por meio do Núcleo de Videopatrulhamento da Guarda Municipal, que funciona no Centro de Operações Rio (COR).

Ainda segundo a secretaria, o recurso tecnológico vem sendo utilizado desde a primeira operação. O objetivo é dar mais agilidade no trabalho dos guardas municipais nas ruas, pois permite o acionamento de equipes para autuar veículos parados no local.

Últimas de Rio De Janeiro