Polícia Militar realiza operação no Complexo da Maré

Bope e Choque participam da ação na manhã desta segunda para prender suspeitos de atirarem contra PMs na Linha Vermelha

Por O Dia

PM prende suspeito de sequestro na MaréReprodução/Twitter/%40PMERJ

Rio - A manhã de segunda-feira começou com troca de tiros entre policiais militares e traficantes no Complexo da Maré, na Zona Norte do Rio. A PM realiza operação na comunidade, com participação de homens do Batalhão de Operações Especiais (Bope) e do Batalhão de Choque.

O objetivo inicial da ação é capturar os suspeitos que atiraram contra PMs do Choque na Linha Vermelha, na manhã de domingo. Mas durante a operação, a polícia acabou com um sequestro. Dois homens foram presos após sequestrarem duas reféns em uma residência, no Conjunto Esperança. As vítimas foram liberadas sem ferimentos.

Nas redes sociais, os moradores relatam o medo e afirmam ter ouvido tiroteio nas localidades conhecidas como Pinheiro, Salsa, Vila e Palace. O helicóptero da PM também é utilizado na operação, segundo os habitantes da favela.

Quase 14 mil crianças estão sem aulas por causa da operação. Na região da Maré, 15 escolas, cinco creches e dez espaços de desenvolvimento infantil estão fechadas. Já no Caju, outras nove unidades escolares não abriram as portas nesta segunda-feira.

Operação na Zona Oeste

A Polícia Militar também informa que realiza, na manhã desta segunda-feira, uma operação nas comunidades Rola e Antares, na Zona Oeste. Por causa da ação, uma creche, com 71 crianças, ficou fechada.

Últimas de Rio De Janeiro